Guilherme Reiss

Sobre o Blog

Dr. Augustus Nicodemus (@augustuslopes) é atualmentepastor da Primeira Igreja Presbiteriana de Goiânia, vice-presidente do Supremo Concílio da Igreja Presbiteriana doBrasil e presidente da Junta de Educação Teológica da IPB. O site da sua igreja em Goiânia é www.pipg.org.

O Prof. Solano Portela prega e ensina na Igreja Presbiteriana de Santo Amaro, onde tem uma classe dominical, que aborda as doutrinas contidas na Confissão de Fé de Westminster. Os cultos dominicais na Igreja de Santo Amaro são realizados às 9h00m e 18h30m. A Escola Dominical tem início às 10h00m. Venha e visite-nos (R. Promotor Gabriel Netuzzi Perez, 289, Sto. Amaro, SP – Fone: 11-5521-4495).

O Dr. Mauro Meister (@mfmeister) iniciou a plantação daIgreja Presbiteriana da Barra Funda.
- 9:15h - A intercessão dos Santos
- 9:30h - 30 Minutos de Confissão!
- 10:00h - Café da manhã
- 10:30h - Culto Público ao Senhor
Temos sala para crianças de 2 a 10 anos.Sempre temos perguntas e respostas após culto!
Rua Eduardo Viana, 163 BARRA FUNDA, São Paulo (no espaço de eventos do Hotel Ibis Expo Barra Funda - ponte da Casa Verde, Marginal Tietê).
Canal no Youtube.


12 comentários

comentários
kiiiq
AUTOR
2/9/16 21:03 delete

Vcs indicam o seminário JMC ??? Estou no aguardo.

Responder
avatar
3/11/16 10:33 delete

Graça e paz!
Gostaria de que o sr. me ajudasse, dando uma interpretação calvinista sobre estes versiculos, os arminianos falam que aqui há a possibilidade de perda da salvação, nós calvinistas defendemos a segurança de salvação, estou preparando um estudo bíblico para o campo missionario que estou plantando aqui na Paraíba. Poderia me ajudar?
"18 Eu, a todo aquele que ouve as palavras da profecia deste livro, testifico: Se alguém lhes fizer qualquer acréscimo, Deus lhe acrescentará os flagelos escritos neste livro; 19 e, se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa e das coisas que se acham escritas neste livro" (Ap 22.18-19.

Responder
avatar
7/11/16 19:04 delete

Caro irmão: Sugiro que dê uma lida em postagem anterior deste BLOG em:
https://tempora-mores.blogspot.com.br/2016/08/podemos-perder-salvacao-em-cristo.html
Abs
Solano

Responder
avatar
28/11/16 20:47 delete

Irmão Solano Portela,

Graça e Paz do Senhor Jesus!

Há algum tempo me identifico com a Fé Reformada e não tenho dúvidas de minhas convicções sobre os 5 pontos do calvinismo. Porém, como explico para um não-reformado o texto de Apocalipse 22.19: "e se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus lhe tirará a sua parte da árvore da vida, e da cidade santa, que estão descritas neste livro"

Responder
avatar
14/1/17 16:47 delete

Boa tarde Reverendo
Tenho um questionamento pra lê fazer
Li hoje, 14/01/17, no jornal o globo que o prefeito Crivella chamou para a pasta de diversidade (GLBT)do município um cidadão por nome Nélio Georgini que se apresenta como membro dá igreja presbiteriana no rio
Esse cidadão é casado com o bancário Ronnie adams
Me esclareça essa presbiteriana que ele se refere é a IPB?
Sou membro dessa igreja e ficaria muito decepcionado em saber que estamos nos moldando as vontades do mundo
Tenho por referência a palavra ministrada por essa denominação
A seriedade com que trata o evangelho
E sinceramente eu necessito que a igreja continue assim. Eu como pecador necessito desse espaço pra aprender a viver nesse mundo sem me contagiar por ele.
Lá ouvi de verdade o evangelho e foi com uma dor no peito que li essa matéria
Me diga Reverendo, a igreja IPB está de acordo com isso? Está aliada ao movimento GLBT?

Responder
avatar
17/1/17 20:04 delete

Caro Jefferson:

Não conheço o caso, nem as pessoas envolvidas, nem se são da Igreja Presbiteriana do Brasil, ou de outra vertente presbiteriana (Unida, Independente, Renovada, etc.). Sei que a I.P.B., considera a questão como a Bíblia a considera - um pecado sexual. Na realidade, há um documento de 2007, que transcrevo abaixo, que deixa clara, a posição. Espero que esclareça.

Pb; Solano Portela

Manifesto Presbiteriano sobre a Lei da Homofobia

"Quanto à chamada LEI DA HOMOFOBIA, que parte do princípio que toda manifestação contrária ao homossexualismo é homofóbica, e que caracteriza como crime todas essas manifestações, a Igreja Presbiteriana do Brasil repudia a caracterização da expressão do ensino bíblico sobre o homossexualismo como sendo homofobia, ao mesmo tempo em que repudia qualquer forma de violência contra o ser humano criado à imagem de Deus, o que inclui homossexuais e quaisquer outros cidadãos.
Visto que: (1) a promulgação da nossa Carta Magna em 1988 já previa direitos e garantias individuais para todos os cidadãos brasileiros; (2) as medidas legais que surgiram visando beneficiar homossexuais, como o reconhecimento da sua união estável, a adoção por homossexuais, o direito patrimonial e a previsão de benefícios por parte do INSS foram tomadas buscando resolver casos concretos sem, contudo, observar o interesse público, o bem comum e a legislação pátria vigente; (3) a liberdade religiosa assegura a todo cidadão brasileiro a exposição de sua fé sem a interferência do Estado, sendo a este vedada a interferência nas formas de culto, na subvenção de quaisquer cultos e ainda na própria opção pela inexistência de fé e culto; (4) a liberdade de expressão, como direito individual e coletivo, corrobora com a mãe das liberdades, a liberdade de consciência, mantendo o Estado equidistante das manifestações cúlticas em todas as culturas e expressões religiosas do nosso País; (5) as Escrituras Sagradas, sobre as quais a Igreja Presbiteriana do Brasil firma suas crenças e práticas, ensinam que Deus criou a humanidade com uma diferenciação sexual (homem e mulher) e com propósitos heterossexuais específicos que envolvem o casamento, a unidade sexual e a procriação; e que Jesus Cristo ratificou esse entendimento ao dizer, "desde o princípio da criação, Deus os fez homem e mulher" (Marcos 10.6); e que os apóstolos de Cristo entendiam que a prática homossexual era pecaminosa e contrária aos planos originais de Deus (Romanos 1.24-27; 1Coríntios 6:9-11).
A Igreja Presbiteriana do Brasil MANIFESTA-SE contra a aprovação da chamada lei da homofobia, por entender que ensinar e pregar contra a prática do homossexualismo não é homofobia, por entender que uma lei dessa natureza maximiza direitos a um determinado grupo de cidadãos, ao mesmo tempo em que minimiza, atrofia e falece direitos e princípios já determinados principalmente pela Carta Magna e pela Declaração Universal de Direitos Humanos; e por entender que tal lei interfere diretamente na liberdade e na missão das igrejas de todas orientações de falarem, pregarem e ensinarem sobre a conduta e o comportamento ético de todos, inclusive dos homossexuais.
Portanto, a Igreja Presbiteriana do Brasil reafirma seu direito de expressar-se, em público e em privado, sobre todo e qualquer comportamento humano, no cumprimento de sua missão de anunciar o Evangelho, conclamando a todos ao arrependimento e à fé em Jesus Cristo".

Responder
avatar
19/2/17 08:56 delete

Estimados responsáveis pelo site. Procuro informação sobre a compatibilidade entre teologia reformada X cremação. Podem me ajudar? Grato

Responder
avatar
28/2/17 11:25 delete

Caro Carlos: Procurei com o Rev. Augustus, que tem tratado deste tema. Ele disse que lembra de ter respondido a um "Twit", não sabe se à sua pessoa, indicando um programa no qual trata do assunto. Coloco o link abaixo:
https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=2&cad=rja&uact=8&ved=0ahUKEwiH5YnR_rLSAhVFhpAKHZRHDBAQtwIIJjAB&url=https%3A%2F%2Fwww.youtube.com%2Fwatch%3Fv%3Dsv0eIQFhEy8&usg=AFQjCNGmKlq9fGSJl0pyrK6p5Gda1pLjVw&sig2=oSwmMHKhZULLnO2hdudSFg&bvm=bv.148441817,d.Y2I

Em adição, O Rev. Leandro Lima trata desse assunto em:
https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&cad=rja&uact=8&ved=0ahUKEwiH5YnR_rLSAhVFhpAKHZRHDBAQtwIIIzAA&url=https%3A%2F%2Fwww.youtube.com%2Fwatch%3Fv%3DkTBZA8RZPaY&usg=AFQjCNFAYlcKltg2RB4Cy3F14ncz9DkSuw&sig2=1umxuIo8XMqZsMhQ3CoAJg&bvm=bv.148441817,d.Y2I

Espero que ajude,
Solano

Responder
avatar
12/3/17 18:47 delete

Boa tarde

Minha igreja tem o costume de tocar o shofar e celebrar as festas judaicas, porém não tendo elas como requisito para salvação e nem mesmo para ser mais santo, simplesmente como algo simbolico.
ja vi varios artigos e não consegui uma resposta clara, gostaria de saber se ha algum problema

obrigado e que Deus abençoe vocês.

Responder
avatar
19/4/17 10:48 delete

Caro Rev Solano,

O título de seu livro publicado pela Editora Fiel é: O Que Estão Ensinando aos Nossos Filhos, na página deste blog, na sessão de bibliografias - educação, está com título grafado diferente (errado). Lembrando que esta publicação recebeu o Prêmio Areté 2012, de melhor livro de educação cristã.

Grata,
Renata Gandolfo

Responder
avatar
25/4/17 15:54 delete

Cara Renata:

Obrigado. Presumo que você se refere a esse título:
PORTELA, F. Solano. Educação Cristã? São José dos Campos: Fiel.
A Bibliografia que está no site é a que consta no meu livro "O Que Estão Ensinando aos Nossos Filhos". Ela se refere ao que existia até então. O meu livro, com esse nome, não estava escrito ainda. O título que consta na Bibliografia é do livreto publicado pela Editora Fiel em 1988, que foi o gênese de todo o trabalho desenvolvido a longo de 30 anos nessa área. A Editora FIEL me pediu para expandir e adicionar vários capítulos adicionais. Então temos as duas obras. Grato pela gentileza de indicar o prêmio recebido pelo livro (Prêmio Aretê de melhor livro de Educação Cristã, em 2012).
Que Deus a abençoe,
Solano

Responder
avatar